Loja Quinta do Conde
Avenida da Liberdade
Lote 362 
2975-192 Quinta do Conde
Tel:  210 800 920
Tlm: 963 391 741
jafmontalto@gmail.com
Loja Brejos de Azeitão
Rua João Vaz
Lote 92
2925-651 Azeitão
Tel:  210 839 119
Tlm: 938 797 189
montalto.azeitao@gmail.com
Loja Setúbal
Rua Alves da Silva N.2
2900-343 Setúbal
Tel:  265 284 616
Tlm: 965 624 404
montalto.setubal@gmail.com
Loja Barreiro
Praceta dos Loios N.5
Quinta dos Loios 
2835-343 Lavradio
Tel:  210 897 554
Tlm: 963 391 741
montalto.barreiro@gmail.com
Loja Coina
Rua A Zona Industrial de Coina N.2 
Estrada Nacional 10
2830-411 COINA
Tel:  212 104 182
Tlm: 963 463 003
montalto.coina@gmail.com
Loja Sesimbra
Rua Raquel Bastos N.2
2970-592 Santana
Sesimbra
Tel:  212 682 717
montalto.sesimbra@gmail.com
Loja Belas Artes
Avenida da Liberdade
Lote 360 
2975-192 Quinta do Conde
Tel:  210 854 008
Tlm: 961 934 610
belas.artes@netvisao.pt

Bricolage

Gostava de dar uma nova cor às suas paredes? No entanto, quando pensa nisso, só lhe vem à cabeça: trabalho, tempo, dinheiro, complicações… e acaba por desistir?

Acredite, hoje pintar a casa já não é complicado, nem dispendioso.  Há uma série de passos e processos inevitáveis mas que poderá tornar mais simples, práticos e divertidos!

Nós ajudamos! Siga as nossas dicas:

1 – No preparar está o segredo…
A preparação da área a pintar pode demorar algum tempo. Contudo, a preparação pode ser mais rápida se antes reunir o material necessário e descobrir um método de trabalho eficaz.

  • Vista roupa velha e proteja-se de eventuais salpicos. 

  • Retire da divisão os móveis mais pequenos e cubra aqueles que forem difíceis de retirar.

  • Não se esqueça de proteger o pavimento ou soalho, os rodapés, os alizares de portas e janelas. Já existem no mercado sistemas de protecção fáceis de aplicar e remover, como fitas adesivas e telas de plástico.

  • Retire os espelhos dos interruptores e fichas para evitar que sejam salpicados durante o processo de pintura.

  • Por fim, verifique o estado geral da superfície a pintar. Veja se existem buracos ou fissuras – pode sempre tapá-los com massa de reparação Hantek -, retire as tintas velhas e estaladas, raspando a superfície com uma espátula. Com um raspador triangular alargue as fissuras e fendas para soltar todos os resíduos antes de aplicar a massa. Depois desta secar, lixe-a até obter uma superfície uniformizada. Se necessário, aplique um primário

 

2 – Comece a pintar…
Para pintar, vai precisar de trinchas, rolo, tabuleiro e, claro, tinta. Vamos por partes:

  • As tintas devem ser bem mexidas antes de utilizadas. Se a embalagem de tinta já foi aberta noutra ocasião, pode apresentar uma película na superfície. Com a ajuda de uma faca, descole essa camada e retire todo o coágulo.

  • As trinchas devem ser mergulhadas até meio e o excesso de tinta das cerdas deve ser escorrido na borda da lata.

  • Se pintar com o rolo, coloque tinta no tabuleiro sem ultrapassar um terço da altura deste, mergulhe o rolo com movimentos nos dois sentidos e passe-o pela superfície mais alta e seca do tabuleiro para retirar o excesso.

Sobre a pintura propriamente dita, comecemos pelos tectos. Longe vão os tempos em que tinha de se empoleirar em cima de um escadote. Hoje existem cabos extensores para facilitar a pintura. Comece por “recortar” com uma trincha as zonas de junção do tecto com as paredes, e, de seguida, pinte o tecto com o rolo.

NOTA: Nunca deixe uma parede a meio para terminar no dia seguinte – os diferentes tempos de secagem podem deixar marcas na pintura.

 

3 – Os últimos pormenores…
Use a trincha para pintar cantos, recortes e zonas de junção como tectos, paredes e janelas. Use, de preferência, um rolo para pintar as grandes superfícies dando duas passagens cruzadas para estender a tinta, primeiro horizontalmente e depois no sentido vertical.

Quando terminar de pintar, deve sempre limpar bem o material antes de o arrumar e guardar convenientemente a tinta. Com a ajuda de jornais velhos ou de papel absorvente de cozinha limpe o excesso de tinta das trinchas e rolo. Depois coloque-os dentro de água e, por fim, deixe-os a secar em local arejado.

A casa já parece outra e tem, em todos os sentidos, o seu toque pessoal. 

Sabia que… existe uma ordem certa para pintar uma divisão? Convém começar a pintar de cima para baixo. 

Comece pelo tecto


Pinte os ângulos formados pela parede e o tecto com um pincel pequeno. Pinte o tecto com uma trincha ou rolo (de preferência com uma vara extensível), começando pela zona mais próxima da janela. Assim poderá ver melhor, em contraluz, as falhas de tinta e irregularidades da pintura e corrigi-las. Deixe secar bem antes de aplicar uma segunda demão.

Continue pelas paredes


De preferência, retire os espelhos dos interruptores da luz e das tomadas de corrente, mas também pode optar por protegê-los cobrindo-os com fita lisa, bem como todas as áreas que não deseje pintar. Com uma trincha pinte os ângulos formados pelas paredes, à volta das portas e janelas e junto dos rodapés. Use um rolo para pintar as grandes superfícies, dando duas passagens cruzadas para estender bem a tinta, primeiro horizontalmente e depois no sentido vertical. Deixe secar bem antes de aplicar a segunda demão, tendo em atenção o tempo necessário a aguardar antes de repintar, segundo informação na embalagem.

Pinte as janelas ou portas


Pinte as janelas e portas com pincel ou trincha. Proteja os vidros com fita lisa e papel. Comece pelas superfícies verticais e depois as horizontais. Tenha o cuidado de não deixar que a tinta ao secar impeça o funcionamento das dobradiças e dos fechos. Deixe a janela aberta até secar completamente.
Abra bem a porta e comece a pintar de cima para baixo cruzando as passagens com a trincha. Se a porta for lisa pode pintar com o rolo, mas se tiver adornos com reentrâncias e saliências utilize para esses pontos um pincel fino, procurando não deixar grande camada de tinta, a fim de evitar escorridos e acumulações. Tenha o cuidado de não molhar demasiado o pincel, a trincha ou o rolo, para evitar que a tinta escorra ou pingue.

Riscar com Estilo 

  • Para uma correcta remoção das manchas, riscos e nódoas na parede, passe uma esponja ou pano macio húmido com um pouco de detergente neutro.

  • Lave sempre uma área ligeiramente maior do que a que estava suja, suavemente, até remover a mancha.

  • Se vai limpar uma parede inteira, por forma a evitar que a água escorra sobre a zona manchada, comece sempre de baixo para cima.

  • No final, passar água para remover resíduos de limpeza e, posteriormente com um pano seco, limpar o excesso de água.

  • Não se recomenda a limpeza das paredes nos primeiros 30 dias após a pintura.

Quantos sustos já apanhou com as brincadeiras dos seus filhos nas paredes? Não desespere mais! VinylClean, da CIN, é uma tinta mate super lavável, à prova de manchas e das traquinices e criatividade dos seus filhos.  Garanta paredes sempre novas, com a máxima resistência a brilhos e marcas, assim como ao desenvolvimento de fungos e algas.

Deixamos-lhe alguns conselhos de utilização:

Casa-de-banho Zen

A casa de banho é uma divisão fundamental da casa, um espaço onde nos devemos sentir bem e tranquilos. Para evitar as complicações e o incómodos que todos já ouvimos falar, muitas vezes adiamos a reforma necessária. No entanto, é possível, com algumas intervenções básicas, mudar
radicalmente a sua casa de banho.

Comece por escolher uma cor que a faça sentir bem. Associado à saúde e higiene, o azul é uma cor que facilmente se adequa a este tipo de divisão. Recomendamos que pinte com Cinacryl Bio-Pruf, um esmalte aquoso de secagem rápida e acabamento facilmente lavável, que previne o crescimento de fungos, algas e outros micro-organismos.

Não esquecendo as suas madeiras, poderá pintá-las com um esmalte ou simplesmente devolver-lhes o brilho com um toque de lasure.

Se tiver azulejos, opte pintá-los, a tarefa parece mais difícil do que realmente é!  Esta é uma solução bem mais económica e com alguns passos terá um espaço totalmente novo e diferente. Reveja o nosso artigo “É possível pintar os azulejos?” e confirme como é prático! 

Um quarto, dois irmãos

A chegada do segundo filho nem sempre é sinónimo de mudança de casa. Às vezes basta adaptar e pensar na melhor forma de dividir o quarto do irmão mais velho. É fundamental gerir de forma saudável a expectativa dele e criar as bases para o sentido de partilha e cumplicidade que deve reinar na relação entre irmãos. Do nosso lado, a maior preocupação é como acomodar dois filhos num mesmo quarto da forma mais segura e confortável, e por isso damos-lhe algumas dicas para facilitar essa tarefa:

1 – Selecção de cor
É muito importante criar um ambiente calmo e aconchegante nos primeiros tempos de vida do bebé. Conciliar esta fase com a fase de crescimento do irmão ou irmã mais velho(a) poderá não ser uma tarefa fácil. Opte por escolher cores suaves que proporcionem conforto e repouso ao bebé, como o Azul Fiorde (B642) ou o doce Milkshake (E294), do nosso Catalógo Kids e imprima criatividade através de desenhos nas paredes com stencils para o mais velho. Experimente colar ímans divertidos com a tinta de Efeito Magnético.

2 – Disposição do quarto
Com a chegada de um bebé, entrar e sair do quarto durante a noite passa a ser frequente. Assim, se possível, coloque o berço e a cama, ou as camas, em locais opostos. Preferencialmente, o berço deve ficar o mais perto possível da porta do quarto. Não descuidando, claro, de outros elementos estruturais como armários, janelas, portas, é essencial focar-se no seu objectivo principal: dar a cada um dos filhos uma noite de sono tranquila e confortável, minimizando as possibilidades de um acordar o outro 

3 – Áreas para brincar
Crie uma área para os dois brincarem juntos, fomentando assim os laços entre eles e o conceito de partilha e entreajuda. Personalize e delimite a área de brincar com a área de descanso, opte por uma cor alegre como o amarelo Raio de Sol (1861) ou o Azul Curaçau (B644). Procure garantir espaços para guardar os brinquedos, colocando apenas ao alcance do mais novo os brinquedos próprios para a sua idade. Caixas de vários tamanhos, coloridas ou com padrões, são ideais para arrumação.

4 – Crescimento da família
A noção de união e família é muito importante nesta fase. Para reforçar a ideia do crescimento da família imprima fotografias de todos e coloque em molduras divertidas. Pode fazer o mesmo com os desenhos deles para criar uma atmosfera familiar e de amor. 

Pormenores que fazem a diferença

Às vezes pensamos que só com uma grande mudança conseguimos renovar a nossa casa. Pelo contrário, é nos pequenos detalhes que está a diferença, e com pouco conseguimos óptimos resultados!

Já pensou no potencial que uma porta pode ter? Muito poucas pessoas se lembram mas este pode ser um elemento decorativo que fará toda a diferença no ambiente da sua casa.

Aproveite os relevos das suas portas e pinte-os de uma cor diferente! Inspire-se nos nossosCatálogos de Tendências e obtenha uma excelente lacagem e boa opacidade com o esmalte sintético Sintecin da CIN, fácil de aplicar, é o resultado perfeito que procura! 

Um recanto sereno e harmonioso

Receba os fins de tarde de Primavera em paz e harmonia. Recupere aquele cantinho exterior que tanto gosta de forma simples e poupada! Comece por tratar todas as madeiras aplicandoSintecin da CIN, o esmalte sintético de alta qualidade para protecção e decoração das suas madeiras. De uma paleta variadíssima de cores poderá escolher a sua favorita, a nossa sugestão recai num tom neutro e leve, como o Branco Nuvem (0700), que permite conjugar com apontamentos de cor nos pequenos pormenores decorativos. Recupere cestos e pequenos vasos de verga para plantas e flores campestres, lamparinas e lanternas para velas que irão dar aquele toque delicado e romântico após o pôr-do-sol, e de uma mesa de chá antiga ou de caixotes de fruta recuperados, crie pontos de apoio para um livro ou um snack   Nunca lhe soube tão bem chegar a casa depois de um dia de trabalho!

4 dicas essenciais para Pintar

1. Proteja o chão
Utilize papel ou cartão para cobrir o chão, nunca plástico ou lona, pois, além de ser escorregadio, não absorve a tinta e ao pisá-lo poderá deixar rastos de tinta e sujar o que não quer…

 

2. Pequenos pormenores
Isole os limites das janelas e interruptores com fita isoladora. Se deixar cair tinta sobre os vidros, deixe secar e, cuidadosamente, remova com a ajuda de uma espátula de plástico.

 

3. Limpe antes de começar
Para evitar manchas na nova pintura, limpe todas as paredes antes de começar. Zonas com manchas de humidade ou fumo basta escovar e aplicar Aqua Primer da CIN, o primário isolante de manchas. Para zonas enegrecidas com fungos aplique uma solução com 5% de lixívia em água e o Descontaminante Artibiose Plus da CIN, e deixe secar muito bem.

Caso a superfície seja nova, é simples: aplique um primário para obter um acabamento perfeito.

 

4. Os materiais certos
Comece sempre por pintar os ângulos formados pelas paredes, à volta das portas, janelas e rodapés. Logo de seguida, antes de deixar a tinta secar, use um rolo para pintar as grandes superfícies, dando duas passagens cruzadas para estender a tinta.

Deixe secar aproximadamente 3 horas para aplicar a segunda demão.

 

5 erros a evitar na hora de pintar

 

As paredes desempenham uma função importante na decoração, determinando o estilo de cada ambiente. É muito importante haver uma preocupação com as combinações de cor e algum cuidado a pintar, no entanto na hora de começar o trabalho existem erros facilmente cometidos. Descubra aqui, no CINDECOR, os 5 erros a evitar na hora de pintar paredes.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

1. Cor: Além de decorar e embelezar os espaços, a cor pode ajudar a delimitar e marcar claramente o espaço pintando, por exemplo, com uma cor diferente a zona que se quer realçar. A cor permite ainda modificar a percepção dos espaços, podendo alargar ou reduzir uma divisão. Por exemplo, para aumentar visualmente o espaço, o ideal é pintar a parede do fundo com uma cor escura e as laterais num tom claro. Para reduzir um tecto muito alto, opte por uma cor mais escura do que a das paredes. É por isso muito importante escolher a cor certa!

 

2. Quantidade de tinta: Este é um ponto muito importante a ter em atenção mas a CIN ajuda-o a não desperdiçar. Para isso, consulte a nossa calculadora de tinta e, indicando a altura e o comprimento da sua parede, dizemos-lhe qual a quantidade de tinta que precisa.


3. Diminuir a sujidade pós-obra: Para que a limpeza pós-obra seja bastante mais rápida e fácil, antes de iniciar uma pintura forre o piso com uma lona, arraste os móveis para o meio da divisão e utilize fita adesiva para delimitar as áreas com a mesma cor.

 

4. Testar: A CIN disponibiliza duas ferramentas que o podem ajudar na hora da escolha da cor das suas tintas. Em todas as nossas lojas oficiais pode encontrar “Take Home Chips”, pequenos retângulos de tinta aplicada em cartão que pode levar para casa; e ainda pequenas latas com uma amostra da cor que escolheu, o “Test it”.

 

5. Defeitos: Se a sua parede apresenta alguns defeitos, como buracos superficiais ou falhas, repare-os com uma massa antes de iniciar a pintura, de modo que a superfície fique uniforme. A CIN aconselha o uso do produto Hantek, uma massa pronta a aplicar e com boa aderência à maior parte dos materiais de construção.

E agora está pronto para colocar mãos à obra? 

 

Pintar não tem de ser um bico-de-obra

Precisa de disfarçar uma porta? Aqui tem a solução: pintá-la da mesma cor da parede, incluindo os caixilhos e rodapés. Utilize Cinacryl, esmalte para paredes, madeiras e metais, para um efeito mais uniforme e consistente em ambas as superfícies.

Limpeza de manchas

 

Nódoas de gordura, tinta, lápis, marcas de sapato… inevitavelmente, as paredes de sua casa ganham manchas. O principal conselho é limpá-las o mais rápido possível, removendo o máximo de sujidade sem danificar a pintura. Veja como é fácil.

Como pintar uma parede

 

Por onde começo a pintar ? Talvez nunca tenha pensado nisso, mas existe uma ordem certa. Veja qual e boas pinturas!

Paredes com textura 

Se quer conferir textura às suas paredes, Tassoglas pode ser a solução ideal.

Maisdinâmica que qualquer papel de parede, esta tela de fibra de vidro para

revestimento de interiores é muito fácil de aplicar. Senão vejamos:

  1. Escolha as superfícies que quer revestir.

  2. Escolha, de seguida, a textura que mais lhe agrada.

  3. Tire as medidas necessárias para comprar a quantidade certa de produto.

  4. Aplique a cola sobre toda a parede.

  5. Corte o comprimento de tela que necessita.

  6. Acrescente sempre mais 10 cm, para ter sempre tecido extra.

  7. Aplique a tela a começar pelo tecto, pressionando no sentido ascendente.

  8. Certifique-se de que a primeira aplicação fica pendurada verticalmente.

  9. Com a espátula de plástico pressione bem a tela contra a superfície.

  10. Recorte correctamente no tecto e no rodapé.

  11. Depois da parede estar completamente seca, aplique como acabamento duas a três demãos de Cinacryl, na cor que preferir, e com o brilho que pretender: brilhante, acetinado ou mate.

Recuperar móveis antigos

Todos temos lá por casa um móvel antigo que herdámos. Por ser antigo, pensamos que a única solução é desfazermo-nos de um objecto que foi, outrora, útil. Não tem que ser assim. Há todo um mundo de possibilidades ao dispor da sua criatividade. Repare na mesa desta cozinha e no guarda-vestidos do quarto… Eles adequam-se na perfeição num ambiente contemporâneo.

Caixas de vinho decoradas

Se tiver caixas de vinho guardadas lá por casa, experimente dar-lhes uma nova utilização.Com muita imaginação e algum trabalho, pode conseguir uma decoração diferente e original.

Reutilize três ou quatro caixas e escolha cores diferentes para cada uma delas. O ideal é que combinem com a cor da parede onde pretende pendurá-las. Depois de garantir que as caixas estão limpas, sem poeiras ou gorduras, aplique o primário Polyprep 410. Deixe secar e depois pinte com o Esmalte Acrílico que, por ser aquoso, não se torna incomodativo ao cheiro. Aproveite sobras de papel com efeitos para forrar o fundo. Por fim, coloque peças para decorar ou aproveite estas caixas para colocar livros ou cds.

Pintar azulejos

Quem disse que não é possível pintar azulejos? Não só é possível como muito fácil, desde que use os produtos adequados. Quantas vezes gostaríamos de mudar o aspecto da casa-de-banho sem fazer grandes obras? A pintura dos azulejos pode ser a solução, sobretudo se está a arrendar uma casa e não quer investir numa grande remodelação. Veja como é simples:

  • Comece por lavar os azulejos com água quente e um detergente neutro, removendo toda a gordura e, no final, volte a lavá-los apenas com água limpa;

  • Aplique uma demão de Aqua Primer para regularizar a absorção e promover a aderência

  • Como acabamento aplique duas a três demãos de Cinacryl na cor e brilho que pretender.

Descubra mais detalhes sobre este procedimento consultando  

 

O Folheto Soluções. 

Clássico reinventado

Resoluções de Ano Novo – Mais luz!

Um armário da avó perdido num sótão qualquer pode ser muito útil para conseguir mais arrumação em casa, mas também para decorá-la. Para pintar móveis deste estilo recomendamos o uso de um produto Esmalte Acrílico. Inspire-se nas cores desta imagem para um efeito simultaneamente clássico e moderno.

Este ano deixe a luz entrar na sua vida. Tire maior partido da luz natural em sua casa, pois isso ajuda a manter uma atitude mais positiva e a enfrentar o quotidiano com doses extra de energia. Escolha cores que reflectem a luz. Cores vivas e não demasiado escuras, na tinta Vinylsoft, pintadas sobre as paredes nas quais incide directamente a luz solar vão iluminar as suas divisões.

 

 

  Arrisque! A única coisa que pode acontecer é a sua divisão ganhar mais cor!

Aposte numa cor forte, não tem que ser o vermelho….Porque não um rosa? Pinte de Rosa Faísca, com Vinylmatt, uma parede do hall de entrada de forma a revolucionar o espaço. Não fique pelas paredes, estenda o rosa até às madeiras (tecto e rodapés) e metais (corrimão) com Esmalte Acrílico.Para que as madeiras que não foram pintadas exibam uma tonalidade requintada, trate-as com oDurocin WB. Escolha o brilho que lhes pretende dar – brilhante, acetinado ou mate.     

A importância do primário

Há quem pense que o Primário só é verdadeiramente importante na pintura exterior mas é uma noção errada. Os primários para interior também ajudam a uniformizar as superfícies e fazem com que a tinta possa aderir melhor. Além disso, quando é escolhido o produto adequado, podem prevenir-se uma série de problemas como, por exemplo, manchas e humidade. Mesmo que o seu orçamento seja reduzido, não deixe de aplicar um primário, no final vai ver que ainda poupou, pois provavelmente a sua pintura precisará de menos demãos e o resultado final será melhor e mais duradouro.

Painel Magnético

Para criar um apoio à sua secretária, de forma a poder ter todos os seus apontamentos expostos enquanto trabalha, pinte a parede em frente com Tinta Efeito Magnético. Pode optar por uma área monocromática ou desenhar quadrados de cores diferentes para organizar as ideias por temas. Escolha um conjunto de cores ao seu gosto do Catálogo de Interiores CIN, depois limite as áreas que vai pintar com fita adesiva e, por fim, dê asas à sua imaginação na disposição da cor.

    Um detalhe especial   

Agora que o Verão ficou para trás e que vai passar mais tempo dento de casa, aproveite para se dedicar a um projecto simples e, sem grandes custos, mudar um pouco a decoração dos seus espaços. Experimente, por exemplo, pintar pequenas flores sobre uma parede lisa utilizando uma cor contrastante. Pode fazê-lo com um stencil ou usar uma pequena esponja para gravar as pétalas.

Menina ou menino?

Se é um daqueles futuros pais que gosta de surpresas e que preferiu não saber o sexo do bebé até ao seu nascimento saiba que pode ir preparando o quarto para recebê-lo quando chegar a hora. Opte por Esmalte Acrílico nos móveis e Vinylsoft nas paredes, em cores neutras e tons suaves, que ficarão tão bem para menino quanto para menina. Pode encontrar estas cores no catálogo Kids 0-3 da CIN. 

Cozinha arrojada!

Se está farto da monotonia branca ou cinzenta da sua cozinha, este ano não tenha medo de arriscar. Jogue com cores contrastantes e faça da cozinha uma área mais moderna e ao mesmo tempo mais aprazível, para que possa passar horas a cozinhar sem se fartar! É ou não é boa ideia?